Quem me acompanha sabe que estou hoje no segundo período da faculdade de Ciências Sociais, na Federal do Rio. Como acabei de passar (passei no começo ano ano, mas para mim isso é bem recente!) eu ainda me lembro da escola e os mínimos detalhes, a ponto de sentir muita falta de várias coisas e também de agradecer por não ter que conviver diariamente com muitas outras. 

Sei que os estudantes que ainda não ingressaram em um curso superior, principalmente quem está no vestibular, tem muita curiosidade sobre as diferenças da faculdade para a escola, e torcem seus dedos esperando que aquelas coisas chatas mudem e tudo seja maior alegria, campos dourados de pura liberdade e estudar o que ama e escolheu para a vida. Por isso, vou contribuir para as informações de vocês e fazer minha lista das coisas que mais notei de diferentes, o que senti falta, o que mudou e fiquei feliz e etc. 

Há ainda a cobrança?


Na escola sempre há muita cobrança, e nem falo de dentro de casa, mas no ambiente escolar mesmo. Há a cobrança de dever de casa, de dever da sala, de chamada e presença, de pedir para ir ao banheiro, de não conversar na sala e muitas outras coisas. E, sinto informar, mas na faculdade não vai ser tão diferente! 

Há professores que fazem a chamada (chamando nome por nome da lista, e por vezes até dando um sermão para quem falta com regularidade absurda - o que mais tem são pessoas que se vemos 5 vezes no semestre, é muito.), há professores que passam lista para cada um ir assinando e há aqueles que não se importam com nada disso. 

No meu curso, que é muita teoria e texto, há uma grande cobrança (por vezes até injusta) dos professores com relação às leituras. A verdade é que a quantidade de texto é surreal e chega beirar 200 páginas por semana, às vezes mais, do que temos que ler. Nem todos os cursos são assim, claro. Mas acredito que sempre vai haver nossa "tarefa de casa", que os professores - alguns, pelo menos- vão cobrar de vez em quando. 

No entanto, professor não quer necessariamente saber se você está ou não acompanhando, e muitos nem fazem questão de te ajudar caso você tenha sérias dificuldades, o que eles costumam se importar é se a turma faz ou não o que ele manda... 

I'm a free student


A liberdade de poder sair da sala de aula sem pedir já é clássica e conhecida por todos, mas confesso que quando entrei me senti muito com vergonha de simplesmente levantar e sair para ir beber água ou ir ao banheiro, esperei várias pessoas fazer para seguir, rs. Mas, sério, nunca peça ao seu professor se pode sair... 

Roupas!!!


A questão dos uniformes era o que eu mais estava ansiosa, não aguentava meu uniforme (ainda mais que o da rede estadual do Rio é bem feio, aquele cinza que eu não suportava), mas confesso que às vezes sinto bem falta, quando acordo as 5 da manhã e passo minutos só procurando uma blusa para vestir. O lado bom é que você pode usar seu estilo, não precisa usar aquelas blusas quentes da escola em dias de calor, mas o lado ruim é que suas roupas irão acabar em uma velocidade máxima e vai chegar um ponto em que você vai pensar seriamente em ir de pijama.


As matérias


Um quesito muito bom na faculdade é que, por volta do terceiro/quarto período, você pode montar sua grade com mais flexibilidade, isso nas faculdade públicas, até onde eu saiba. Há matérias obrigatórias que você tem que cumprir, mas há aquelas que você pode escolher qual fazer. Além disso, você pode trancar disciplinas que não vai bem e fazer depois - ou, se for uma matéria opcional, não fazer mais. 

Porém, nem sempre vamos estudar o que de fato gostamos. Às vezes temos aquela visão ilusória de que tudo vai ser belo e todas as matérias vão fazer nosso coração acelerar, e nem sempre é assim, por vezes passaremos por momentos em que caímos de sono nas aulas de tão chata e estudar pode ser um sacrifício. Mas vale a pena!

Como são as pessoas?


As pessoas na faculdade são bem diferentes. Você vai conviver com pessoas de outros cursos (ao menos que seu campus seja único do seu curso) e de vários semestres, veteranos e calouros (e se você der sorte, pode cair em uma faculdade que não dá tanta bola à essa hierarquia veteranos > calouros). Além disso, as salas que costumavam ter no máximo 35 alunos, agora podem ter até 100! Mas com tanta possibilidade de amizades, é importante ficar atento, viu? Você vai encontrar todo tipo de pessoa, aquelas legais e aquelas mais idiotas do mundo. Além disso, faculdade tem um grande número de pessoas egoístas... 

Provas?


As avaliações variam de cada professor, o que é até bom. Tem professor que passa duas provas por semestre (o que deve ter cuidado já que os conteúdos são cumulativos), alguns dão prova de consulta à textos e anotações, outros deixam você fazer em casa, outros só você e sua memória. Há aqueles que passam provas e trabalhos, outros que só passam trabalhos ou um trabalho e por aí vai. Algo importante é perguntar logo no começo do semestre como ele avalia, como costuma ser as avaliações e etc. Assim você já se prepara e sabe o que esperar de cada professor. Ps: nem todo trabalho também vale nota, mas às vezes o professor fica de olho na dedicação daqueles que fazem. 


Depois do vestibular tudo fica mais fácil


Ahhh que engano o meu. Entrei na faculdade com coração tranquilo e corpo relaxado pensando que depois do vestibular não teria que me preocupar tanto assim com estudos, mas acredite se quiser, é ainda pior! O lado bom é que seus estudos são voltados mais para sua área de interesse, o lado ruim é que a quantidade de estudo pode ser até o dobro - é como se fosse um vestibular de 4 ou 5 anos! Vão ser tantas preocupações... xerox, alimentação, sono, transporte, textos, matérias acumuladas, provas, trabalhos, faltas... Se prepare.

4 Comentários

  1. Ai, quase morro de felicidade em saber que, se Deus quiser, ano que vem estarei na faculdade ♥. Eu estranhei demais quando entrei na Etec, porque com a maioria das coisas que você citou, eu já estou familiarizada. Mas estranharei muito sair da sala sem pedir autorização hahaha. Boa sorte na continuação dessa jornada, Lex!

    ResponderExcluir
  2. Se tudo der certo começo na Facul próximo ano, e as vezes da um certo medo. Espero mt gostar!
    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  3. Quando estava na escola tinha muita vontade de começar logo a faculdade e quando começou ficquei encantada...Tenho muitas saudades..

    Dani Ramos
    http://donaengenhosa.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu sou super mais faculdade do que escola hehe. Acho que tinha que ter uma camisa bacana de uniforme, mesmo que customisada, pra não gastarmos nossas queridas brusinhas

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Curso de MakeUp com a Boca Rosa